sexta-feira, 25 de julho de 2014

Bolo Nega Maluca (doida, doida, doida!)

Postado por: Marília


Bolo nega maluca é um clássico da minha infância. Toda vez que o preparo uma nostalgia gostosa toma conta de mim, trazendo à tona recordações dos meus tempos de menina... 

O que eu acho mais bacana nesta receita é que além de simples e muito fácil de fazer, podemos preparar na companhia das crianças - minha filha fica extremamente envolvida, um barato!

Comecei untando e enfarinhando uma forma média e preaquecendo o forno a 200ºC.

Numa tigela, peneirei os ingredientes secos:

2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1/2 xícara (chá) de cacau em pó - podendo substituir por 1 de achocolatado de boa qualidade
1 xícara (chá) de açúcar
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 pítada de sal

Misturei bem. Numa outra tigela:

3 ovos
1 xícara (chá) de água filtrada
3/4 xícara de óleo de girassol

Misturei bem, juntei esses ingredientes aos secos e, com a ajuda de um batedor, misturei bem até que tudo estivesse homogêneo. Despejei a mistura na forma e levei para assar. Enquanto isso, numa panelinha preparei a calda:

3/4 xícara (chá) de açúcar
2 colheres (sopa) de cacau em pó
1 colher (sopa) caprichada de manteiga sem sal
3 colheres (sopa) de leite

Levei ao fogo brando, misturando de vez em quanto, até que a manteiga derretesse e tudo ficasse agregado. Despejei a calda sobre o bolo ainda quente. Ah, para garantir um bolo bem molhadinho, fiz vários furinhos na superfície com um garfo.

E foi só felicidade!

Minhas considerações:

- Meu bolo assou em 30 minutos. Mas esse tempo pode variar. Então vigie! Assim que um cheirinho irresistível tomar conta da sua cozinha, você já pode fazer o teste do palitinho: espete-o bem no centro. Saiu sequinho? Está pronto!

- Caso opte por usar o achocolatado, reduza um pouco a quantidade de açúcar. Mas, se fizeres o gênero formiguinha, fiques à vontade...

- Caso queira, pode servi-lo como sobremesa, quentinho, acompanhado de sorvete. Neste caso, faça mais calda... huuummm!!

- faça com as crianças (filhos, sobrinhos, afilhados, agregados...). É um momento especial para desfrutarmos da companhia deles!



Um beijo com gostinho de infância para todos vocês!

Até!!