quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Alimentos semi prontos

Postado por: Marilia


Nos mudamos recentemente e, como o mercado imobiliário anda surtado, acabamos nos instalando na Zona Leste. Conclusão: o trabalho ficou longe. Muito longe.

Como temos uma filha, há uma preocupação em oferecer uma comidinha caprichada e ao mesmo tempo diversificada. É aí que quero dividir com vocês algumas preparações que tenho feito na cozinha que tem me ajudado - e muito - nessa vida louca que levamos.

Compro carne em pedaços em quantidade, preparo como de costume, deixo esfriar e distribuo em potinhos que etiqueto e congelo. Dá super certo com carne bovina, carne suína (pernil) e frango - sempre cozidos. Tiro do freezer e coloco direto na panela pré aquecida em fogo médio, vou adicionando água aos pouquinhos, conforme a necessidade. Daí vario com legumes, cebolas, molho de tomate...

Para os legumes as opções que dão mais certo são a couve flor, cenoura, vagem, espinafre, mandioquinha e ervilhas frescas. 
A couve aí da panelinha veio do sítio dos meus pais.
Separei os buques, limpei o talo, lavei e deixei de molho numa mistura de uma colher (sopa) de vinagre para cada litro de água por 10 minutos, o que ajudou a soltar a sujeirinhas. Lavei novamente e cozinhei no vapor até ficarem al dente (cozidas mas ainda firmes). 
Faço esse processo com os legumes escolhidos, dou um banho de água gelada, centrifugo, armazeno em saquinhos, etiqueto e congelo.

Uso no arroz - acrescento durante o cozimento, na metade do processo - em cozidos, sopas... mas sempre em preparações quentes. Salada não rola pois, ao descongelar ficam com textura "borrachuda" o que não é nada legal. Claro que não é igualzinho a uma preparação ali, na hora. Mas ajuda a acrescentar mais legumes no nosso dia a dia.

Tentei fazer o mesmo com brócolis, mas a textura não me agradou. Nesse caso, preparo da mesma forma, mas mantenho num pote fechado na parte mais alta - e mais fria - da geladeira, utilizando durante a semana.

Para as verduras, procuro comprar pouca quantidade. Lavo centrifugo conservo em saquinhos bem fechados. No caso da alface e escarola duram a semana toda!

Ah, outra coisa que faço que é uma mão na roda é cozinhar peito de frango e congelar desfiado. É ótimo para preparação de arroz de forno, rechear torta, salpicão... Descongelo no microondas. Cozinho logo  três (sem a pele) com um pouco de sal e folhas de louro. Congelo também parte do caldo para uma canja... fica ótima!

Embora pareça trabalhoso faço isso numa manhã e, como faço bastante, tenho congelados para dois ou até três meses. Vale a pena.

Basicamente é isso: para as refeições durante a semana o freezer tem se mostrado um grande amigo. 

Espero que possa ajudá-los.

Inté!