terça-feira, 26 de novembro de 2013

Pão Caseiro - tipo italiano

Postado por: Marília

Já fazia algum tempo que não me arriscava a fazer um pãozinho aqui em casa.
Não que meus pães não sejam bons - modéstia a parte, são ótimos - mas a correria do dia a dia andou me desmotivando.
Nesse domingo resolvi quebrar esse marasmo e fiz esse pão delicioso:

Quentinho, macio com um pouco de manteigas = amor!

Comecei fazendo a "espoja": numa tigelinha coloquei duas colheres (sopa) de farinha de trigo, uma colher (sopa) de açúcar, um envelope de fermento para pão seco e 4 colheres (sopa) de água morna. Misturei tudo e deixei descansar por 15 minutos aproximadamente - essa massinha cresce bastante.

Numa bacia grande, coloquei 1 kg de farinha de trigo, abri um buraco no meio e, ao redor, acrescentei uma colher (sopa) de sal. no centro, acrescentei a "esponja" e 4 colheres de azeite. Comecei a misturar os ingredientes com as mãos e, aos poucos, fui agregando coisa de 3 xícaras (chá) de água morna. Continuei misturando até o ponto que a massa desgrudou das mãos. Daí passei-a para uma superfície enfarinhada e sovei-a por 5 minutos. Devolvi para a bacia e deixei descansar até dobrar de volume. Sovei mais um pouquinho, modelei os pães (duas unidades) acomodei-os em uma assadeira untada e enfarinhada e deixei descansar por 20 minutos. Assei em forno pré-aquecido a 180ºC até ficarem lindamente dourados. E o mais bacana dessa receita é que ele fica cascudo - naquele ponto que, ao bater com os nós dos dedos se ouve um toc-toc, sabe?

Minhas considerações: o ponto crucial desse e de qualquer outro pão que você se proponha a fazer é a temperatura dos líquidos: sempre mornos. Quente demais, eles matam os "bichinhos" do fermento que farão a mágica do crescimento no seu pãozinho.  Outra dica importante é a de que a massa descanse em local quentinho, como o forno (desligado e frio!!) por exemplo. É um local fechado que propiciará calor suficiente para o crescimento. 



Rendeu dois pães grandes que duraram três dias. No dia seguinte ele já não estava cascudo, porém bem macio e úmido. Delícia!

Passe um café fresquinho e divida esse carinho com quem você ama.

Bom apetite!

Receita extraída do site: http://gastronomismo.com/2012/08/06/pao-italiano/